sexta-feira, 1 de maio de 2015

O Ano em que nos Amámos Perigosamente - A capa

Se já aqui falei de uma capa que odiei, hoje trago uma grande capa portuguesa. Ultimamente tem havido várias capas boas por cá e quero destacá-las. Começo por este livro que é uma das novidades de Maio.


Lançamento previsto: 26 de Maio

A capa portuguesa é, na minha opinião, a mais gira. A original evoca uma história mais carnal enquanto a nossa puxa mais por romance e mistério. A capa italiana podia ser de qualquer livro, não me diz nada. A única que acho interessante, para além da nossa, é a capa espanhola que nos leva imediatamente para paisagens pitorescas e famílias nobres devido ao edifício presente, é uma capa que me pôs a pensar nas histórias dos Bridgerton de Julia Quinn.

Parabéns à Quinta Essência pela escolha desta imagem para a capa.

Capa original (USA)


Capa portuguesa


Capa espanhola


Capa italiana


Sinopse: Inglaterra, 1808. Quando Declan O'Conner, conde de Donnelly, chega a Hadley Green para conhecer a nova condessa de Ashwood, basta-lhe apenas um olhar para perceber que a bela nobre que o recebe não é quem deveria ser. Para tentar fugir a um casamento indesejável, Keira Hannigan assumiu a identidade da verdadeira condessa, sua prima, em viagem pelo estrangeiro. Intrigado com o segredo que rodeia a mentirosa sedutora, Declan decide não a desmascarar e até concorda em ajudá-la a lançar luz sobre o mistério que envolve as preciosas joias desaparecidas de Ashwood. A situação, no entanto, precipita-se rapidamente quando um chantagista obscuro ameaça revelar o escândalo e o conde percebe que deve proteger Keira a todo custo.

2 comentários:

  1. Concordo contigo, a capa mais gira é a portuguesa!
    Se puderes visita o meu blog e se gostares segue :)
    Beijinhos

    http://queenssecret-anaaraujo.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo Queen!
      Já dei uma vista de olhos ao teu blogue ;)

      Eliminar